Sábios na Expo EDUTEC 2018

A 3ª edição da Expo EDUTEC tomou lugar no belíssimo auditório do Unibes Cultural, no dia 30 de outubro. O evento, que enfatizou as hashtags #educacao #tecnologia e #futuro, teve início às 8h com um delicioso café da manhã que envolveu o público em um momento descontraído de networking.

A primeira mesa redonda do evento contou com a abertura de Emilio Murano, do Instituto Ayrton Senna, que contou sua cativante história, abordando tanto aspectos relacionados à sua educação quanto à sua carreira na área. Ele perpassou o cenário recente de desenvolvimento tecnológico e colocou em pauta a discussão sobre o papel da tecnologia na educação de 2030.

Para debater o assunto foi constituída uma mesa redonda com grandes nomes da área, como Alexandre Campos Silva (Google), Christine Berlinck (IBM), Daniel Maia (Microsoft), Mozart Neves Ramos (Instituto Ayrton Senna), Paulo Franqueira (Adobe) e William Respondovesk (FINEP).

O primeiro tema abordado foi a evolução da escolaridade média no Brasil, que não apresentou correlação positiva com a produtividade média do trabalho, ou seja, houve aumento, mas sem qualidade.

Na sequência, foi abordado o que se espera dos jovens do século XXI, destacando-se qualidades humanas, como criatividade, pensamento crítico e empatia nas relações. Tais qualidades são consideradas relevantes para promover uma educação com significado e que desenvolva o pensamento pleno. “Empresas multinacionais não requerem mais diplomas, mas sim habilidades”, afirmou  Mozart Neves Ramos ao falar de empresas como Google e IBM. “O que ontem era ponto de chegada, hoje é ponto de partida. Desse modo, disciplinas como matemática, línguas e ciências passam para um segundo plano em relação às qualidades aplicadas”, concluiu.

Daniel Maia afirmou que o objetivo do uso da tecnologia na educação deve ser “criar soluções que atendam às necessidades de alunos e de professores, como: melhores resultados de aprendizagem; tecnologia acessível e fácil de gerenciar e transformação do tempo na sala de aula”. Seguindo esta linha de pensamento, o futuro da aprendizagem será profundamente social e personalizado, com foco nas habilidades interpessoais, e apoiado por tecnologia. O palestrante destacou, ainda os quatro pilares do framework de transformação da educação:Liderança e Politica, Aprendizagem e Ensinos Modernos, Ambientes Inteligentes e Mapa da Tecnologia.

O evento seguiu com uma segunda mesa redonda que discutiu o tema Cultura Digital E Novas Experiências de Aprendizagem Com Tecnologia. A mesa foi composta pelos seguintes participantes: Amaral Oliveira (Instituto Ayrton Senna), Emerson Pereira (Colégio Bandeirantes) e Regina Gavassa (Secretaria Municipal de Educação de São Paulo).

Na parte da tarde, após o almoço, que foi disponibilizado em  por food trucks, em meio a mesas de papelão ecológicas, a Sábia Experience abriu seu stand ao público. Inúmeras pessoas vieram conhecer a solução Sábios. No local, puderam jogar, aprender e bater papos construtivos com a nossa equipe.

A experiência na Expo EDUTEC resultou em grande motivação para nós, reafirmando o porquê de fazer o que fazemos. Após workshops, palestras e mesas redondas, o evento se encerrou às 17h com as palavras inspiradoras de Emilio Munaro. Agora, é continuar inovando até a próxima edição da Expo EDUTEC. Até lá!

 

A 3ª edição da Expo EDUTEC, realizada pelo Instituto Ayrton Senna, tomou lugar no espaço da Unibes Cultural, no dia 30 de outubro. Saiba como foi o evento e a participação do Sábios.

Tags: educação e tecnologia, Expo EDUTEC, Instituto Ayrton Senna, Sábios,